• Mais Saúde

Rinite e Sinusite: saiba como prevenir


Diferente de doenças simples como gripe, e até as mais sérias como Coronavírus, que são causadas por diferentes tipos de vírus, a Rinite e Sinusite não funcionam desse modo.


Sabemos que rinite e sinusite possuem sintomas parecidos, mas você sabe diferenciar? Estas são doenças similares, porém suas características exigem cuidados diferentes e específicos.


Apesar de serem doenças distintas, não é incomum as pessoas confundirem uma com a outra, até mesmo porque a rinite pode vir a causar uma sinusite.


Rinite

Rinite é uma irritação da membrana mucosa no interior da cavidade nasal. Pode ser caracterizada como alérgica ou crônica.


A alérgica geralmente acontece após a inalação de uma partícula como ácaro, poeira, ou até mesmo perfume, que pode vir a causar uma reação alérgica. Já a crônica causa dilatação de vasos sanguíneos, ocasionados por mudança de clima, temperatura, ou até mesmo processos hormonais.


Os sintomas mais comuns costumam ser espirros, irritação nos olhos e/ou nariz, coriza, nariz entupido e muco acumulado tanto na garganta quanto no peito e nas foças nasais.


Sinusite

A Sinusite é uma inflamação da mucosa que fica nas cavidades ósseas ao redor do nariz, nos olhos e nas maçãs do rosto.


Pode ser resultante de uma irritação ou um fator alérgico que impeça o processo de drenagem de secreção, como o acumulo de muco que favorece a proliferação de bactérias.


Os sintomas costumam ser um pouco mais fortes do que os da Rinite. O quadro agudo gera sintomas como fores dores na face, febre, até mesmo tosse e grande quantidade de secreção no nariz.


Semelhanças

Podem ser causados de maneira alérgica, como uma reação do nosso corpo para alguma partícula intrusa. Outro ponto é que elas também podem ser crônicas, e seus efeitos podem ser mais leves porém mais constantes. Além dos sintomas que também costumam ser parecidos, e são similares ao de uma gripe ou resfriado.


Diferenças

Por mais semelhantes que sejam a Rinite se dá mais pela irritação e tem mais origens alérgicas, já a Sinusite por conta de origens inflamatórias, costuma vir a ser crônica com mais frequência.


Fora os sintomas semelhantes ao do resfriado, como espirros, coriza e congestão nasal, a Sinusite costuma ter sintomas como dores na região dos seios da face, onde o muco e as inflamações se concentram.


Outro fato é que a rinite não tem cura, na maioria das vezes. Já a sinusite sim, em sua maioria é feito um tratamento conservador através de medicamentos e acompanhamento médico, mas dependendo do caso pode vir a ser necessário a intervenção cirúrgica.


Como prevenir

Com a Rinite o ideal é prevenir. Evitar o acumulo de poeira nos objetos, assim como em roupas e cobertores de lã, evitar ficar muito tempo no ar-condicionado, manter a distância de fumaça, manter o ambiente limpo e arejado entre outros.


Para diminuir a dor e os efeitos causados pela sinusite, é necessário desentupir o canal dos seios nasais, eliminando secreção e o muco acumulado. Isso pode ser feito com tratamentos caseiros ou remédios específicos para tratar a sinusite.


Para ambas vale a máxima de sempre fortalecer seu sistema imunológico, pois quanto mais forte e saudável, menos problemas de saúde virão.


Contudo o ideal é sempre procurar um médico sobre o assunto, caso você queira saber mais clique aqui.

0 visualização

Instituto Catarinense Mais Saúde ®