Desvio na coluna: conheça mais sobre a escoliose


Nossa postura, durante a rotina do dia a dia, muitas vezes pode passar despercebida. Ainda mais para pessoas que ficam muito tempo sentadas durante o dia, ou que fazem excesso de força diariamente. Porém, nesta condição, esses não costumam ser fatores determinantes para a doença, mas sim reflexos dela.


A escoliose é uma anormalidade na qual a coluna vertebral se curva para um dos lados do tronco e tem como fator determinante a rotação das vértebras.



Ao contrário de condições como lordose e cifose, que são consideradas normais e menos acentuadas, a escoliose apresenta uma curva totalmente anormal e é facilmente notável.


As condições mais graves desta doença podem impedir a mobilidade da coluna e diminuir o espaço torácico que envolve os órgãos respiratórios e cardíacos, impedindo assim o seu funcionamento normal.

Sinais e causas


Os sinais da escoliose, além da curva em forma de C na coluna, são:


• Ombros assimétricos; • Quadril desnivelado; • Membros inferiores desiguais (tamanho); • Cintura e/ou tórax desviados; • Escápula e/ou costelas saltadas.


A causa da maioria dos desvios patológicos da coluna é idiopática, ou seja, sua origem é vaga e desconhecida. Em casos que a origem é detectada, costuma ser por questões genéticas ou adquiridas ao longo da vida.


Eles também podem estar relacionados a alterações nos ossos, músculos ou sistema nervoso do corpo. Nessas alterações, é válido ressaltar que hábitos inadequados na postura, traumas, excesso de peso, atividade física praticada inadequadamente, sedentarismo, etc.

Tratamento


Na maioria dos casos, um tratamento conservador, realizando um acompanhamento de uma equipe de fisioterapeutas, já pode ser eficaz para amenizar os efeitos da escoliose. O tratamento consiste basicamente em exercícios para alongamento e fortalecimento dos membros e da estrutura do corpo em si.


A cirurgia pode se fazer necessária, mas só é realizada em pacientes adultos. Geralmente essa opção é necessária apenas quando a curva na coluna ultrapassa os 50 graus, provocando fortes dores e até dificultando a respiração.


Se você sofre com dores e nota algum tipo de desvio em sua coluna, entre em contato conosco e converse com nossos médicos. Oferecemos até 70% de desconto em exames e consultas.

113 visualizações

Instituto Catarinense Mais Saúde ®