• Mais Saúde

Alimentos que previnem mau odor corporal



Uma dieta balanceada é sempre a melhor aliada da saúde e bem estar de cada pessoa, e isso engloba diversos fatores, inclusive a produção de suor e o odor do nosso corpo.


Tratemos neste artigo algumas dicas de alimentação que podem combater essas características no nosso odor corporal.



Relação da alimentação com o odor corpóreo


O cheiro de cada pessoa pode ser guiado por genética, onde a pessoa naturalmente produz aquele odor, bom ou ruim. Porém nossa alimentação pode ter influência direta nessa questão.


Alguns alimentos podem interferir de maneira negativa, geralmente os que contém substâncias mais pesada que acabam sendo expelidas na pele através do suor.


Já outros alimentos podem ajudar nessa questão, justamente por possuir nutrientes que ajudam no metabolismo e são de fácil digestão, auxiliando assim na eliminação das substâncias e toxinas de forma natural.


Alimentos que influenciam negativamente


Alguns alimentos que favorecem o mal odor corporal são:


• Cebola e alho: temperos com forte presença de enxofre, substância com maior peso para o mal cheiro corporal; • Couve-flor e Brócolis: vegetais também ricos em enxofre; • Carnes em excesso: quanto mais o consumo de proteínas, mais a produção da amônia no nosso corpo, que deixa o odor do suor mais forte; • Leites e derivados em excesso: também com muitas proteínas e, além disso, demoram para serem digeridos, favorecendo o aumento do odor forte no corpo.

Parar melhorar o odor


Grupos de alimentos como frutas e vegetais podem ajudar muito nessa questão, pois eliminam as toxinas que causam mal odor do nosso corpo.


É ideal adicionar na sua dieta alimentos como:


• Couve; • Espinafre; • Rúcula; • Agrião; • Alface.


Isso porque esse grupo dos alimentos verdes são ricos em clorofila, que tem forte poder desintoxicante.

Outras dicas para ajudar


Algumas ações simples podem ser de alta ajuda na luta contra o mal cheiro. Hábitos comuns como não usar a mesma roupa mais de uma vez seguida, aparar os pelos das regiões que mais transpiram e usar desodorantes antitranspirantes e antibacterianos, são alguns deles.


Outro fator importante é tomar muita água, pois assim o suor não fica concentrado, logo, o cheiro também não permanece forte. Além de que esse é um hábito que beneficia sua saúde como um todo, não apenas no odor corporal.

74 visualizações

Instituto Catarinense Mais Saúde ®